Prefeitura Rio de Janeiro

Saiba como pagar o IPTU Rio de Janeiro 2021 e quais são as formas de pagamento disponíveis para você. Esse imposto é cobrado no primeiro semestre do ano e conta com valores diferentes de acordo com o imóvel de cada cidadão, em breve você poderá pagar o IPTU Rio de Janeiro 2021.

A Prefeitura ainda não anunciou as datas prováveis para pagamento desse imposto, mas não demora muito e já teremos essas informações para serem consultadas. Ano passado a prefeitura ofereceu um desconto de 7% para quem pagasse dentro da data estabelecida.

Cabe a cada cidadão escolher a melhor forma de efetuar o pagamento desse imposto, seja ele a vista com desconto ou parcelado. O ideal é não deixar atrasar para não correr incidência de juros. Aproveite para se informa também sobre o IPTU BRASÍLIA 2021!

Resultado de imagem para iptu rj

PAGAMENTO DO IPTU RIO DE JANEIRO 2021

Agora ficou mais fácil para que o contribuinte posso fazer o pagamento desse imposto, principalmente por que agora é possível até parcelar o valor. Coisa que não ocorria anteriormente.

Escolha a forma mais acessível para pagamento, abaixo descrevemos quais são elas:

  • pagamento em cota única: com desconto;
  • pagamento parcelado: sem desconto.

Hoje os contribuintes não precisam apertar o orçamento para pagar esse imposto, pois existem outros métodos para quitação da dívida.

Emissão da Guia de Pagamento

Para emitir a guia IPTU Rio de Janeiro 2020 o contribuinte pode entrar no site e fazer o procedimento, não precisando assim ir até a unidade de atendimento presencial.

Sempre recomendamos que o contribuinte deixe para procurar os atendimentos presenciais somente quando ele não consegue resolver a pendência pela internet.

Veja como você pode imprimir a guia do IPTU 2021 online:

  • emissão da guia IPTU
  • Informe os dados para imprimir a guia.

Existem duas opções para emissão da guia, veja quais são elas;

  • Opção 1: você deve informar o Índice Cadastral;
  • Opção 2: CPF ou CNPJ + CEP do Imóvel;

Escolha uma das informações, preencha os dados corretamente, informe o código da Imagem e depois clique no botão Executar Pesquisa.

Desde que os dados estejam inseridos de forma correta você conseguirá emitir a guia do IPTU Rio de Janeiro 2021. Caso não consiga aí sim você terá que procurar a prefeitura, mas antes disso procure ligar e tire suas dúvidas.

Se meu veículo não estiver com os impostos pago posso utilizá-lo?

De acordo com os especialistas citados no argumento acima, efetivamente. No entanto, não fique sossegado se estiver inadimplente no pagamento deste imposto, já que para conseguir o afastamento anual, você necessita pagar o IPVA 2020, DPVAT 2020 e as eventuais multas. E sem o afastamento o veículo pode ser apanhado. Posso pagar o IPVA do ano presente, inclusive que o imposto do ano passado esteja atrasado?

O pagamento do IPVA pode ser celebrado independente da cobertura do ano antecedente ou da aparição de mais débitos do imposto. No entanto, como já mencionado, o afastamento apenas pode ser adquirido com o pagamento dos débitos em aberto do veículo. Em alguns estados, como no Rio de Janeiro, as alíquotas são mais altas do que em outros. Cada estado define a começar por qual data de construção há a altivez. Verifique aqui no site da Bidu em qual data depois da construção o veículo está alheio.

Quem mais tem intenção do IPVA?

Os seguintes veículos estão isentos de pagamento de IPVA:

  • Veículos de entidades filantrópicas registrados;
  • Veículos de afretamento, cabo e parecidos;
  • Veículos adaptados de portadores de necessidades especiais;
  • Veículos da quantidade público;
  • Veículos de transporte público.

Se eu não aceitar com o valor cobrado, posso acorrer? Caso você não concorde com o valor cobrado, há escolha de entrar com um recurso para acrescentar o valor corrupto do veículo (valor que é utilizado para a base de aferição do imposto). Verifique com a Secretaria da Bens do seu estado os passos para entrar com esse recurso.

O valor do IPVA do veículo diminui de um ano para o outro?

Nem sempre isto acontece. No entanto, como o imposto é apurado sobre o valor de mercado do veículo e ele padece aviltamento (aviltamento por causa de ao seu consumo, abatimento natural ou limitação da vida útil), o caminho natural é que ele diminua a cada ano.

Caso você seja amo de transporte aluno, verifique se seu estado oferece a altivez do pagamento. No Rio de Janeiro e São Paulo, essa forma de veículo é alheia. Já no Piauí e Bahia, existe um projeto de arbítrio para que isto ocorra.

Como afirmar meus débitos relativo ao veículo. Os proprietários são capazes de corporificar as consultas dos débitos relativo ao IPVA, afastamento, multas e DPVAT pelo site da Prescrição Federal de cada estado, além do despacho de guias de pagamento. Mantenha você e seu veículo abrigado em oposição a vários acidentes. Faça um apreço de sem riscos alegoria na internet na Bidu Corretora e tenha disponível muitas coberturas e assistências.

Partidos definem nomes em convenções no estado

Diretórios confirmam candidatos a deputado da região para a eleição deste ano.

O fim de semana será de definições de candidaturas para a maioria dos partidos da região. PSDB, DEM, PDT e PMDB decidem, em sua convenções estaduais, entre este sábado e domingo, os candidatos da região à Assembleia e Câmara Federal.

O primeiro a decidir as candidaturas para o estado é o PDT que se reúne neste sábado a partir das 9h na Assembleia Legislativa.

O partido deve confirmar o ex-prefeito de Rio Preto Manoel Antunes e o deputado federal João Dado no pleito à Câmara.

Apesar das especulações, Mané nega possibilidade de ser candidato a vice na chapa de Aloisio Mercadante (PT) que disputa o governo do Estado.

“Sou candidato a deputado federal e dobro com o petista João Paulo Rillo”, afirma o ex-prefeito.

Neste domingo às 9h é a vez de o PMDB confirmar o ex-prefeito de Rio Preto Edinho Araújo e Itamar Borges, ex-prefeito de Santa Fé, como candidatos à presidência 2018.

“Não vamos lançar candidatos a deputado estadual”, adiantou o presidente do partido em Rio Preto, Marcelo Figueiredo.

Também em São Paulo, o deputado estadual Vaz de Lima, de Rio Preto, e Geraldo Vinholi, de Catanduva,  devem ser os indicados da região a disputar vaga na Câmara e Assembleia pelo PSDB.

O rio-pretense Clóvis Chaves e Carlão Pignatari, ex-prefeito de Votuporanga, também devem ter candidaturas homologadas deputado a estadual entre os tucanos.

Ao mesmo tempo, na Assembleia Legislativa, o DEM homologa as candidaturas do partido.

Rodrigo Garcia deve ser confirmado como candidato a deputado federal. Rio Preto vai ter outro candidato pelo DEM, o ex-diretor regional da Ciesp Luiz Fernando Lucas sai a estadual.

Outro nome dado como certo no partido na disputa por cadeira na Assembleia Legislativa é o atual vice-prefeito de Catanduva, Roberto Cacciari.

Prazo termina no final do mês

Outros cinco partidos ainda vão definir até o dia 30, data limite para registro das candidaturas, os nomes que vão concorrer às eleições deste ano.

PT, PV, PPS, PSB e PTB, ainda vão realizar convenções estaduais para homologar os nomes dos candidatos.

No PSB, o ex-secretário de Planejamento Orlando Bolçone e o vereador Nelson Ohno vão disputar vaga na Assembleia. O partido ainda não definiu data para a convenção.

O PT, que reúne seus correligionários no dia 26, deve indicar João Paulo Rillo, de Rio Preto, e Beth Sahão, de Catanduva, para a Assembleia, enquanto o catanduvense Félix Sahão e Ronaldo José Besciani tentam vaga na Câmara. O PTB, Alexadre Costa é candidato a federal e Amelito Fidelis, a estudual.